Indústria

Especial | Amazon Prime: sinônimo de streaming esportivo em 2018?

Presença da empresa em concorrências é uma das grandes apostas do mercado de transmissão no próximo ano

6 dez, 2017

Uma das fortes tendências de 2018 será a compra de streaming esportivo por parte das gigantes da internet. O MKTEsportivo é o portal que mais destaca as iniciativas do setor e você pode conferir tudo que já abordamos sobre o tema clicando aqui.

Se o último movimento do mercado envolveu o Facebook e a busca por um profissional que atue na aquisição de direitos esportivos com um orçamento de “bilhões de dólares”, quem pode se tornar uma potência neste sentido é a Amazon. De acordo com o relatório Juniper Research, que abrange 10 tendências tecnológicas para 2018, a presença da varejista e, em menor força, do Facebook, são as grandes apostas para o mercado de transmissão no próximo ano. Por enquanto, os maiores movimentos da Amazon foi vencer a concorrência pelos direitos do Thursday Night Football e ter tirado da Sky os direitos dos torneios da ATP. Há ainda uma parceria de conteúdo com o Manchester City.

Já a rede de Mark Zuckerberg deixou de maneira explícita o seu interesse em esportes quando ofereceu US$ 600 milhões para transmitir a Premier League indiana de críquete. Por enquanto, sem sucesso. A abertura de um novo cargo para tratar exclusivamente deste assunto mostra como teremos um 2018 repleto de novidades (e disputa por espaço).

amazon-manchester

O relatório prevê ainda que a dupla brigará pelos pacotes de transmissão da Premier League, algo que já destacamos, e talvez pelos direitos das principais ligas dos EUA. Pela presença da Amazon e do Facebook, a Juniper Research acredita que o valor oferecido pelo campeonato inglês pode sofrer um aumento de 40%. A empresa afirma ainda que a varejista pode seguir o mesmo modelo de transmissão feito pela BT Sport, ou seja, aproximadamente 42 jogos ao vivo por temporada. Para a emissora britânica, o investimento foi de US$ 1.3 bilhão ao longo de três anos no atual acordo.

Já para ligas badaladas dos EUA, como é o caso da NFL, a NBC investiu US $ 950 milhões para 19 jogos do Sunday Night Football até 2022. Já a Major League Baseball custou aos canais US$ 500 milhões por temporada para 42 jogos.

Ainda que existam muitos envolvidos nestas concorrências, a Juniper Research  acredita que a Amazon sairá vencedora em todas as que entrar. De acordo com levantamentos internos, a oferta esportiva do Amazon Prime, a plataforma de assinatura da empresa, tem sido fundamental para a chegada de novos clientes. Esta informação certamente terá grande influência no momento de bater o martelo ao fazer uma oferta durante uma concorrência.

nbc-sunday-night-football