Indústria

Trevor Edwards renuncia ao cargo de presidente da Nike

Marca ressalta que “problemas de comportamento no local de trabalho” forçaram a decisão do profissional

16 mar, 2018

A Nike anunciou esta manhã que Trevor Edwards, seu presidente até então, renunciou ao cargo e o deixará oficialmente a partir de agosto. A ESPN teve acesso ao e-mail que a marca enviou para todos os seus funcionários e consta que “problemas de comportamento no local de trabalho” foram fundamentais para a decisão.

“Ao longo das últimas semanas, tomamos conhecimento de fatos ocorrem dentro da nossa organização que não refletem nossos valores fundamentais de inclusividade, respeito e empoderamento em um momento em que estamos acelerando nossa transição para a próxima etapa de crescimento e avanço de nossa cultura. Isso me perturba e entristece”, disse o CEO e agora novo presidente, Mark Parker.

Parker afirmou que “determinou fazer as mudanças necessárias para que nossa cultura e nossa empresa possam evoluir e crescer”. Por enquanto, não há um posicionamento oficial em relação aos motivos que levaram Trevor Edwards deixar a marca.

O novo presidente detalhou que a empresa havia conversado com alguns funcionários e que era seu desejo que a Nike promovesse um ambiente onde as questões pudessem ser resolvidas logo que ocorressem. De acordo com a imprensa dos EUA, a decisão veio após uma série de reclamações de funcionários sobre o comportamento de alguns gerentes e atitudes consideradas incorretas nas relações trabalhistas.

Edwards, um dos maiores nomes do cenário esportivo atual, foi responsável por gerenciar as unidades de vendas da Nike em todo o mundo, como negócios de atacado, varejo e comércio eletrônico. Funcionário da Nike desde 1992, ele deixou claro que irá se aposentar em agosto, aos 55 anos. Vindo da Colgate-Palmolive, o executivo entrou na gigante dos esportes como vice-presidente global de marca e produtos. Em 2013, tornou-se presidente.

Mark Parker, por sua vez, promete ficar no cargo até depois de 2020, adiando a disputa pela sucessão. Elliott Hill, ex-presidente da Nike Geographies, será o responsável pelas áreas de marketing, vendas, territórios e estratégia nas vendas diretas ao consumidor. Já Michael Spillane permanece como líder das áreas de produtos, design e marketing em geral.

“Gostaria de agradecer a Trevor pelo importante papel que desempenhou por 26 anos e por suas importantes contribuições. Isso nos ajudou a crescer e a fortalecer nossa marca em uma escala global”, declarou Parker.