Atletas

GOL abre vagas de ‘espião’ de Neymar para a Copa do Mundo

Os contratados receberão treinamento especial e viajarão para três países com o objetivo de assistir amistosos

2 maio, 2018

Se contratou Neymar como embaixador e não irá utilizá-lo em suas ativações, a Gol Linhas Áreas lançou uma nova campanha para contratar três pessoas que terão como função “espionar” possíveis adversários do Brasil na Copa do Mundo. A iniciativa ocorre em parceria com a Smiles.

Os contratados receberão treinamento especial e viajarão para três países com o objetivo de assistir amistosos. Os jogos serão: França x Irlanda (Paris), Espanha x Suíça (Villareal, na Espanha), e a última partida da Argentina antes do Mundial, ainda com local indefinido. Ao final de cada duelo, eles terão que desenvolver um relatório para Neymar, detalhando os pontos fortes e fracos de cada time.

“A Gol tem em seu nome a inteligência. Para a companhia, a inteligência precisa estar presente em todas as suas ações. E como transportadora oficial da seleção brasileira, buscamos, neste ano tão importante, ajudar efetivamente na busca pela sexta estrela. Foi assim na escolha da nossa campanha publicitária, em que contratamos o Neymar, mas não o usamos para que ele possa aproveitar melhor seu tempo se preparando. E será da mesma forma com a contratação dos espiões. Queremos nosso camisa 10 cada vez mais dedicado aos treinos. E, para isso, vamos contratar e treinar brasileiros apaixonados por futebol para estudar os pontos fortes e fracos das defesas de grandes adversários que o Brasil terá ou poderá ter pela frente. Quanto mais bem preparado nosso craque estiver, mais nossa torcida gritará o nosso nome”, explicou Mauricio Parise, diretor de marketing da Gol.

“Selecionar torcedores para trabalhar como espiões das equipes adversárias da seleção brasileira de futebol e levá-los para os países onde acontecerão os jogos tem tudo a ver com a missão do programa Smiles, o de transformar milhas em sorrisos. Queremos que nossos clientes viajem, conheçam lugares, pessoas, enxerguem o mundo de outra forma, sempre com a sensação de estarem passando por uma nova experiência. Por isso, sabemos que essa ação é tão ímpar, porque é inovadora e realizará o sonho não apenas de três pessoas mas de milhões de brasileiros, pois nós temos essa capacidade: nos unimos pelo Brasil”, afirmou Loraine Ricino, diretora de marketing do programa Smiles.

Segundo a Gol, seguindo o seu posicionamento de “poupar” Neymar, o objetivo é que ele siga se dedicando apenas a sua recuperação e aos treinos, em vez de estudar as equipes da Argentina, Espanha, França e Suíça. As inscrições vão até 13 de maio, pelo LinkedIn da Gol, e qualquer usuário do país poderá participar. Como requisitos, ter disponibilidade imediata para viagens, residir no Brasil, ter conhecimento em futebol e ser discreto, além de passaporte com validade de ao menos 6 meses.

Pelas regras, 11 candidatos serão selecionados para a segunda fase, no dia 19, quando serão realizados testes presenciais. Destes, três serão contratados e receberão treinamento no dia 20. Os “espiões” serão remunerado por um período de 4 dias, sem valores divulgados. Interessado? Clique aqui e participe!

Recentemente, em outra ativação visando o Mundial na Rússia, a companhia aérea mudou a numeração de seis dos seus voos. Todos foram rebatizados com os anos em que o Brasil foi campeão da Copa do Mundo. Além dos anos que formam as cinco estrelas – 1968, 1962, 1970, 1994, 2002 – a Gol incluiu também uma aeronave 2018, demonstrando confiança na conquista do hexa na Rússia.

Durante todo o dia da ação, aproveitando o amistoso entre Brasil x Alemanha, a empresa colocou em cada um dos “voos campeões” um jogador campeão do Mundo pelo país naquele ano. PepeMengálvioClodoaldoZetti e Luizão entregaram camisas da Seleção para os passageiros. A partida foi transmitida ao vivo para os presentes, fruto de um acordo entre a companhia aérea e a Rede Globo.