Indústria

Grupo dono do Alaves, da Espanha, anuncia desejo de comprar o Sochaux

Clube francês, atualmente na segunda divisão do país, passa por sérias dificuldades econômicas

29 jun, 2018

O Baskonia-Alaves anunciou na última semana a intenção de adquirir 100% do Sochaux, atualmente na segunda divisão francesa (Ligue 2). Como se sabe, o clube francês passa por sérias dificuldades econômicas.

Haritz Querejeta, diretor do Baskonia Group, confirmou em uma coletiva o desejo de iniciar negociações, apesar de afirmar que “são necessários dois para poder vender e comprar”. Enquanto o Sochaux é de propriedade da chinesa Ledus desde 2015, o grupo espanhol comanda o basco Deportivo Alaves.

“Nós nos apaixonamos pelo clube. Nosso objetivo é nos tornarmos os futuros proprietários”, confirmou Querejeta em entrevista. “Estamos aqui para comprar o Sochaux e começar o trabalho de reestruturação”, acrescentou. O elenco da equipe francesa voltará a treinar em 18 de julho e trará doze jogadores albiazules, fruto de uma parceria entre espanhóis e franceses iniciada em 2017. E é por esta proximidade que o interesse na aquisição iniciou.

Vale destacar que Li Wing Sang, proprietário da Ledus, é cobrado constantemente pela torcida que é contrária à sua gestão, muito em função da delicada situação financeira que o clube se encontra. O Sochaux terminou a última temporada na décima posição da Ligue 2. Prestes a completar 90 anos de história, o clube viveu 87 deles em uma gestão estável sob o comando da Peugeot, que fundou o clube em 1928 e o negociou para a Ledus em 2015.