Publicidade
Redes Sociais

Especial | O caso de amor entre NFL e o Snapchat

Se para muitos a rede social “morreu”, liga renova parceria pela terceira vez e intensificará conteúdos pela plataforma

2 ago, 2018 Escrito por MKT Esportivo

Pra você, o Snapchat morreu? Para nós, ele segue com um espaço muito importante entre as demais plataformas. Em cinco anos de história é inegável que o aplicativo mudou na maneira como lida com a privacidade dos usuários e, principalmente, na relação com os anunciantes. E isso muito em função do crescimento e novidades apresentadas pelas demais (Story, por exemplo). O MKTEsportivo apresenta um case real que mostra como ainda há muita vida em algo que muitos acreditam ter morrido.

Juntos desde 2015, Snapchat e NFL são prova viva de que ainda existe muito o que explorar dentro da rede social. Na última temporada, 42 milhões de norte-americanos se envolveram com o conteúdo da liga dentro da plataforma, fora os 52 milhões de Snapchatters ativos em todo o mundo que também interagiram com os materiais.




O ativo principal da NFL para seguir apostando no Snap está em seu público-consumidor: 70% dos usuários que consumiram o conteúdo da liga nos Estados Unidos na temporada 2017/2018 tinham menos de 25 anos.

Desta maneira, as partes anunciaram que a parceria seguirá até 2019 com uma novíssima experiência para a rodada de domingo a partir deste ano. Agora, o “Sunday Publisher Story” fornecerá notícias e destaques para os usuários com atualizações pelo menos uma vez a cada 60 minutos durante os jogos. Isso permitirá que a NFL forneça informações aos torcedores em seus dias mais movimentados, aumentando assim as interações e recursos que a liga continuará apresentando dentro do Snapchat.

Além disso, as partes afirmam que seguirão trabalhando para criar geofiltros personalizados para todas as 32 franquias, permitindo que os usuários explorem ilustrações específicas da equipe em suas postagens quando estiverem dentro dos estádios e eventos da liga.

“Para nós, isso é principalmente para aprofundar o envolvimento com os fãs que já estão no Snapchat”, comentou Blake Stuchin, vice-presidente de desenvolvimento de negócios de mídia digital da NFL. “O Sunday Publisher Story será contado de uma perspectiva e tom projetados para o público da rede”, completou.

Os objetivos comerciais da liga são muitos claros em seguir trabalhando com o Snap. Gerar receita através da rede, vender ingressos e produtos oficiais, e fazer com que os fãs assistam ao jogos ao vivo pela TV são apenas alguns deles. Para nós, dada a alta competição pela atenção, o grande desafio está em manter o interesse desses espectadores assim que eles terminarem de assistir a programação oferecida pela liga e o app.