Uncategorized

Com Cristiano Ronaldo, Juventus negocia aumento de contrato com a Adidas

25 set, 2018

Impulsionada pelas vendas registradas por Cristiano Ronaldo, a Juventus já negocia um aumento de seu patrocínio, ainda em curso, com a adidas. De acordo com o jornal Financial Times, a equipe italiana deseja mais do que os atuais € 23.5 milhões anuais (+ royalties).

Até aqui, conforme o MKTEsportivo destacou, foram 520 mil camisas vendidas nos três primeiros dias após o anúncio da chegada do português. As vendas gerais de peças em agosto deste ano foram 145.5% maiores em relação ao mesmo mês de 2017. Há ainda o apelo entre o público infantil, que representou uma alta de 245% na demanda por uniformes.

Vendas que geram ganhos de exposição aos patrocinadores e, por este motivo, o próximo passo deva ser uma renegociação do acordo com a Jeep, hoje em torno de € 20 milhões anuais.

Voltando ao cenário com a adidas, quando formalizaram a parceria, em 2013, ficou acordado que, além do fixo de € 23.5 milhões, a marca alemã pagaria € 6 milhões adicionais para assumir o controle do merchandising e licenciamento do clube (que ganharia royalties sobre as vendas).

O resultado deste cláusula refletiu apenas no balanço da última temporada, que registrou que as receitas específicas com vendas e licenciamentos saltaram de € 19.2 milhões a € 27.7 milhões. Acumuladas, as margens de ganhos da Juventus com merchandising e licenciamentos nessas três temporadas chegam a € 36.41 milhões. Se optasse por continuar recebendo o adicional da alemã, a Juventus teria recebido pouco menos do que a metade disso: € 18 milhões.