Patrocínio

Futebol da Globo vai custar R$ 1.8 bilhão a anunciantes em 2019

Atuais cotistas da emissora carioca terão prioridade no período de renovação

4 set, 2018

Recentemente a Globo reuniu representantes de suas principais patrocinadoras, e respectivas agências, para apresentar o seu plano comercial da cobertura esportiva de 2019. Segundo reportagem do meio&mensagem, o mais valioso, o de futebol, contempla inserções de seis marcas nas transmissões dos campeonatos nacionais e internacionais exibidos na TV aberta, além da exibição das mesmas na cobertura jornalística (Jornal Nacional, Globo Esporte e etc). Sobre os torneios, destacam-se os estaduais, o Brasileirão, a Copa do Brasil e a Libertadores.

Para 2019, o valor de cada cota de patrocínio será de R$ 310 milhões por espaço em 95 partidas transmitidas ao longo da temporada. Somadas as seis cotas, o plano comercial do futebol da emissora carioca bate a marca de R$ 1.8 bilhão.

Ainda segundo a reportagem, o montante representa um incremento de 34% em relação ao pedido pela atual temporada. O m&m destaca ainda que o valor cobrado neste ano sofreu uma redução pela Copa do Mundo da Rússia, já que em ano de Mundial a Globo apresenta dois planos diferentes. Para 2018, a emissora cobrou R$ 230 milhões por cada cota, enquanto em 2017 este mesmo espaço foi vendido por R$ 283 milhões.

Para a próxima temporada, atuais parceiros têm prioridade na renovação. Agora, resta saber se Ambev, Chevrolet, Hypermarcas, Itaú, Unilever e Vivo irão exercer esta exclusividade até o próximo dia 17 de setembro. Após esse período, a Globo está livre para ir ao mercado em busca de novas parceiras.