Publicidade
Indústria

Relatório | O cenário do patrocínio nas principais ligas da Europa

CSM Sport & Entertainment analisou os acordos comerciais presentes na Premier League, Bundesliga, LaLiga, Serie A e Ligue 1

8 out, 2018 Escrito por MKT Esportivo

O Manchester United figura no topo de um levantamento que apresenta os clubes que mais faturam com patrocínio nas cinco principais ligas da Europa. O relatório, intitulado Football’s Super Spenders e desenvolvido pela CSM Sport & Entertainment, analisou os acordos comerciais presentes na Premier League, Bundesliga, LaLiga, Lega Serie A e Ligue 1.

Os Red Devils faturam € 269 milhões por ano fruto de 68 contratos de patrocínio. O Barcelona figura logo em seguida com € 261 milhões. Bayern de Munique (€ 180 milhões), Real Madrid (€ 178 milhões), Chelsea (€ 154 milhões), Manchester City (€ 149 milhões), Arsenal (€ 124 milhões), Liverpool (€ 117 milhões), Paris Saint-Germain (€ 112 milhões) e a Juventus (€ 101 milhões) completam o TOP 10.

Sobre as ligas, não é de se espantar que a liderança seja da Premier League. No total, a elite inglesa agrega 440 patrocinadores entre os 20 participantes e gera € 1.2 bilhão por temporada. Ainda que tenha o maior número de marcas nos portfólios dos clubes, a Bundesliga figura na vice-liderança. Ao todo, são 617 patrocínios que totalizam € 734.7 milhões em renda.

O ranking segue com a LaLiga, com 363 acordos e € 678.5 milhões em receitas; a Serie A, com € 439.3 milhões fruto de 547 contratos; e a Ligue 1, que arrecadou € 357.8 milhões em 306 negócios.

Sobre os segmentos que mais investem no futebol europeu, destaque para o financeiro, com 129 parcerias e € 314 milhões. O setor automotivo aparece em seguida, com € 305 milhões e 55 contratos. As companhias aéreas estão em terceiro lugar, com € 266 milhões em investimentos e 22 acordos. Casas de apostas, cervejarias, empresas de energia, telecomunicações, pneus, tecnologia, seguros e alimentos completam a lista.

Dentre as marcas, destaque para a Emirates, que atualmente investe € 178 milhões em acordos de patrocínio máster com Real Madrid, Milan, Arsenal e PSG. Esse número é mais do que o dobro do da Gazprom, segunda maior empresa de gás do mundo, que investe € 80 milhões entre clubes e competições (como a Champions League). O Top 5 é completado com Nissan, Heineken e Sony.

Os 1.769 patrocínios analisados envolveram 1.156 empresas de 50 setores diferentes.