Publicidade
Indústria

“Sem-teto”, Oakland Raiders estuda mandar partidas em Londres

Contrato com a Oakland-Alameda Coliseum vence nesta temporada

4 jan, 2019 Escrito por MKT Esportivo

Londres poderá ser a saída mais viável para o Oakland Raiders, da NFL, mandar suas partidas após o contrato com a Oakland-Alameda Coliseum ter vencido. Para tal, a franquia mantém contatos com o Tottenham para utilizar o novo estádio do clube, que será inaugurado em breve.

A medida seria uma forma de resolver um problema para o Raiders que está de mudança para Las Vegas a partir de 2020, quando seu novo estádio ficará pronto. A transferência fez com que a equipe e a NFL fossem processadas pelo município de Oakland, que terá prejuízos com esta saída.

Como se sabe, ter uma nova arena foi o principal motivador para a mudança. Fundado em 1966, o Coliseu de Oakland é um dos estádios mais antigos da liga. Além de não apresentar uma estrutura de alto nível, ele precisa ser dividido com o time de beisebol da cidade, Oakland Athletics, durante boa parte da temporada regular da liga.

A decisão desagradou Mark Davis, proprietário do Raiders, que começou a negociar a realização de oito jogos na capital inglesa. A futura casa do Tottenham será multiuso e poderá abrigar duelos da NFL. Para a próxima temporada, a liga já confirmou quatro jogos em Londres. Dois serão em Wembley, e os outros no estádio dos Spurs.

Sem Londres, o Raiders estuda outras opções, como San Francisco e San Diego.