Publicidade
Indústria

AC Milan e a Inter de Milão unem forças por novo estádio

Clubes definirão se optarão por reformar a atual estrutura ou construirão uma nova arena

12 fev, 2019 Escrito por MKT Esportivo

O AC Milan e a Inter de Milão uniram forças para resolver de uma vez a questão envolvendo seus respectivos estádios. Os rivais oficializaram na última semana que decidirão o futuro dos seus lares entre duas possibilidade: a construirão de uma arena menor e mais moderno, ou a reforma completa do San Siro/Giuseppe Meazza.

No anúncio da parceria, Alessandro Antonello, presidente-executivo da Inter, e Paolo Scaroni, presidente do Milan, elaboraram o memorando de entendimento assinado em novembro com relação à modernização dos estádios. Antonello disse que, independente do caminho escolhido, o plano será reduzir a capacidade dos atuais 80 mil assentos para 60 mil. Para ele, o objetivo será melhorar a experiência de matchday dos torcedores.

“Administrar o estádio significa quase administrar uma final da Liga dos Campeões toda semana”, disse Antonello. “Há limitações arquitetônicas. Queremos um projeto de qualidade e estamos envolvidos com consultores de nível superior. Apresentamos ideias e temos que desenvolver o projeto. Prevemos uma capacidade menor porque a frequência média dos dois clubes é de 60 mil. O que importa é a experiência para os torcedores. O desafio será é atraí-los para ir ao estádio e ficar lá, para passar o dia.”, completou.

Scaroni, por outro lado, deu a entender sua preferência por uma nova arena, que assumiria o lugar do San Siro, que completará 94 anos em 2019.

“Teremos o estádio mais bonito do mundo”, disse. “Ainda não apresentamos um projeto, somente o planejamento. Não há apenas o estádio, há também outras coisas para resolver. Queremos que o Milan tenha um grande estádio e faça de Milão a capital do futebol. Talvez um novo estádio seja mais fácil, mas também há reformas de grande escala como Anfield.

O dirigente fez coro na questão da experiência e na importância de oferecer atrativos que façam com que o torcedor passe o dia inteiro no estádio, não somente durante os 90 minutos da partida. “No Bernabeu existem sete restaurantes, abertos dia e noite. O único na Itália que faz isso atualmente é a Juventus.”, concluiu.

Vale lembrar que as duas equipes dividem a mesma casa há mais de 70 anos. No entanto, quando o Milan é o mandante, o estádio é chamado de San Siro. Giuseppe Meazza é o nome aclamado pelos torcedores nerazzurris em seus jogos como mandante.