Atletas

Ronaldo apresenta “plano de 90 anos” para o Valladolid e lançará programa de fidelidade

Ex-atacante levará modelo de associação do Brasil para o futebol espanhol

7 fev, 2019

Proprietário e presidente do Valladolid, Ronaldo Fenômeno apresentou ontem, em Madrid, o escritório permanente do clube e detalhou um ambicioso projeto para os próximos 90 anos do time, que inclui conhecer profundamente o seu torcedor, a reestruturação do centro de treinamento e do estádio José Zorrilla.

“Estamos planejando o futuro do Real Valladolid, para os próximos 90 anos. Está claro que o time vai lutar para seguir na primeira divisão, mas o projeto seguirá, estejamos na primeira ou segunda. Quero agradecer aos torcedores pelo apoio e espero que siga assim até o final”, disse Ronaldo.

De acordo com ex-atacante, a abertura de um escritório na capital espanhola poderá ajudar o Valladolid a estar “perto das grandes marcas e dos investimentos necessários para o progresso”. Ronaldo quer fazer com que o clube deixe de ser regional e conquiste uma abrangência nacional e também internacional. Isso passará pela criação de uma espécie de “sócio-torcedor”, modelo amplamente difundido no futebol brasileiro. O programa de fidelidade é uma das prioridades da nova gestão do Valladolid, que investirá pesado para detalhar as características e preferências do seu torcedor.

“Temos um projeto de fidelização, que é a criação de um programa de descontos aos associados, que será lançado em breve”, disse Matthieu Fenaert, ex-CEO da Octagon e contratado recentemente como diretor de novos negócios do clube. “Temos de conhecer muito melhor nossos torcedores. O que eles querem, como eles consomem o clube. Vamos monitorar semanalmente a audiência de televisão, a ida ao estádio, o consumo de material e produtos licenciados”, completou.

Já sobre a construção do centro de treinamento e a reforma do estádio José Zorrilla, a ideia é transformar as estruturas do Valladolid em uma “fábrica de talentos”, à exemplo do que já fazem os grandes do país. Segundo Ronaldo, o investimento será de € 10 milhões e as obras devem ficar prontas até o final deste ano.