Indústria

Bahia lança site para auxiliar mulheres contra assédio nos estádios

A ação é uma resposta à denúncia da torcedora Maria Ribeiro, que relatou ter sido assediada na Fonte Nova

25 maio, 2019

O Bahia lançou, nesta sexta-feira (25), a iniciativa #MeDeixeTorcer com o objetivo de denunciar casos de assédio e violência contra a mulher nos estádios. Em parceria com a Iwwa Agência e Produtora Digital, um portal foi criado para ser uma nova fonte para combater o machismo na Fonte Nova. Ao entrar na página, a torcedora encontra informações sobre como lidar com a situação e um formulário para realizar denúncias.

A ação é uma resposta à denúncia da torcedora Maria Ribeiro, que relatou um caso de assédio acontecido com ela e com amigas diante do Avaí, no dia 5 de maio. Na ocasião, o clube prometeu tomar providências para evitar novas situações deste tipo.

No site, o Bahia colocou um termômetro batizado de “assediômetro” contando a quantidade média que as mulheres foram assediadas somente em 2019. Além disso, uma pesquisa pede que as torcedoras façam um relato sobre episódio de assédio para ajudar na busca por soluções junto às autoridades. Há ainda estatísticas e informações sobre a ronda Maria da Penha.

O Bahia tem se notabilizado por defender a inclusão no esporte e pautas em favor dos direitos humanos. O MKTEsportivo já destacou as iniciativas em defesa da luta dos indígenas, a possibilidade de pessoas trans terem o direito de usar seus nomes sociais em qualquer procedimento administrativo relacionado ao clube, o lançamento de uma camisa contra a violência nos estádios, além do posicionamento em favor da inclusão da população LGBT na sociedade.