Streaming

Continuação de ‘Drive to Survive’ deve contar com Mercedes e Ferrari

Netflix já marcou presença nas três primeiras provas do ano para gravar a segunda temporada da série

8 maio, 2019

Ausentes da primeira temporada da Drive to Survive, da Netflix, Ferrari e Mercedes devem figurar na continuação da série. Sean Bratches, diretor de operações comerciais da Fórmula 1, disse estar “otimista” com a presença das gigantes.

Como se sabe, o material já está sendo gravado e focará na atual temporada da categoria, o que certamente motivou a declaração de Bratches. Ainda que o contrato para a segunda parte não tenha sido assinado, profissionais da Netflix marcaram presença nas três provas deste ano.




“Parece que vamos ter a segunda temporada e vamos disponibilizá-la para todas as equipes. Estamos otimistas de que teremos o time completo desta vez ”, disse Bratches durante o evento Sports Decision Makers Summit, em Miami.

 

“Estamos tentando abrir isso e ser muito transparente e inclusivo. Tudo o que fazemos estamos disponibilizando para todas as equipes. Se a Mercedes e a Ferrari estivessem envolvidas na série Netflix desde o início, elas poderiam ter tirado muito ar da sala para outras equipes, mas elas não participaram, permitindo que as outras equipes brilhassem”, completou.

Sucesso absoluto na plataforma de streaming, Drive to Survive não conta com a audiência de Lewis Hamilton. Segundo o piloto da Mercedes, a série sobre a F1 foi “uma coisa boa”, apesar das ausências das duas principais equipes da categoria. Sua presença no conteúdo deve despertar o seu interesse.

“Ouvi todos os tipos de comentários, mais positivos até agora. Acho que é uma coisa boa para a categoria. Há quem não entenda porque a F1 tem de estar na Netflix, mas eu acho que é bom. Então espero que continue. Mesmo que eu não tenha visto, estou ansioso para uma segunda temporada”, disse o britânico.