Atletas

Nike conta história de Andressa Alves para ativar Copa do Mundo feminina

Atleta entrou para a história ao se tornar a primeira brasileira a atuar pelo Barcelona

27 maio, 2019

Nada contra as bonecas, era só que eu preferia a bola“. É partindo desta emblemática frase que a Nike lançou no sábado (26) sua primeira grande ação publicitária para ativar a Copa do Mundo feminina. A empresa focou em contar a história da atual camisa 9 da equipe, Andressa Alves, que é também embaixadora da americana.

No vídeo, a atleta, que sonhava em ter uma bola de futebol, conta que ganhou todo tipo de boneca quando criança. Um dia, ela vislumbrou a oportunidade de arrancar suas cabeças e ensaiar as primeiras jogadas. Como forma de homenagear sua embaixadora, a Nike desenvolveu a primeira boneca que toda boleira gostaria de ganhar: aquela que já é uma bola.

Em 2016, com apenas 23 anos, Andressa Alves entrou para a história do futebol feminino brasileiro ao se tornar a primeira jogadora do país a atuar pelo Barcelona. Na Espanha, a atacante ajudou a equipe a chegar pela primeira vez a uma final da Liga dos Campeões. Nesta ano, Andressa também foi vice-campeã do Campeonato Espanhol e esteve no jogo de público recorde em partidas de futebol feminino: 60.739 pessoas no Wanda Metropolitano.

A Copa do Mundo de Futebol Feminino está tendo um status inédito. O torneio deste ano tem sido muito enaltecido pela mídia e patrocinadores como nunca, em comparação às edições anteriores. A própria Nike, por exemplo, fez um evento na França, país-sede da competição, para exibir os uniformes das 14 nações que patrocina. Essa foi a primeira vez que a empresa fez uniformes exclusivamente para as mulheres na disputa do Mundial, com a ajuda de atletas no desenvolvimento do material. A camisa da seleção brasileira, por sinal, contará com a inscrição “Mulheres Guerreiras do Brasil”.

Já há cerca de duas semanas, o Guaraná Antarctica divulgou uma campanha em que, pela primeira vez, utilizou apenas jogadoras da seleção brasileira feminina. A marca de refrigerantes produziu um ensaio fotográfico com Cristiane, Andressinha e Fabi. Além disso, o Guaraná ainda usou a campanha para provocar outras empresas, lançando um desafio para que aderissem à equipe. A resposta foi imediata e a agência de publicidade Almap BBDO, além de quatro marcas (Boticário, DMCard, GOL e Lay’s), aceitaram a convocação feita pelo Guaraná Antarctica e se tornaram as primeiras a entrarem no movimento de apoio à modalidade.