Patrocínio

Após sucesso da NBA, MLB estuda liberar patrocínio de camisa

Executivo da liga acredita ser questão de tempo que as marcas figurem nos uniformes

17 jul, 2019

Após o sucesso da entrada de marcas nos uniformes da NBA, a Major League Baseball (MLB) estuda seguir o mesmo caminho visando aumentar a competitividade, visibilidade e ampliar as frentes de receitas da liga.

“Eu diria que é inevitável (a liberação), mas, certamente não é imediato. Isso é algo que requer um bom estudo antes. Há muitas coisas a serem levadas em consideração, mas acho que chegaremos lá”, destacou Noah Garden, vice-presidente executivo de negócios e vendas da MLB, ao americano SportsBusiness Journal. Para Garden, a autorização não deve ocorrer na atual temporada.

No caso da liga de basquete, a liberação de aportes nos uniformes representou um incremento médio de receita de US$ 7 milhões por franquia. Para a MLB, estima-se que os acordos possam variar de US$ 6 a US $ 8 milhões, com equipes mais populares obtendo um valor ainda maior.

Os novos patrocínios exigiriam a aprovação da Associação de Jogadores da Major League Baseball (MLBPA) como parte do próximo acordo coletivo. Para a liga, isso não deverá representar um entrave, já que provavelmente repassará parte da verba aos atletas.