Patrocínio

Após São Paulo, Giuliana Flores projeta expansão no futebol

Empresa fez o primeiro aporte exclusivo do time paulista e ratificou o seu compromisso de dar visibilidade às mulheres na modalidade

1 ago, 2019

O futebol feminino vem ganhando cada vez mais a atenção dos brasileiros nos últimos anos. O ponto alto foi a final da Copa do Mundo, quando aproximadamente 20 milhões de brasileiros assistiram à vitória da seleção norte-americana por 2 a 0 sobre a Holanda, a maior audiência registrada em todo o mundo.

Com o fim do torneio, o público migrou sua atenção aos nacionais, masculino e feminino, que contam com as transmissões das principais emissoras do país, além de plataformas de streaming.

O aumento da popularidade do conteúdo, no entanto, ainda não se reflete nos investimentos. Dados da consultoria Brand Finance mostram que a categoria tem, a nível mundial, uma subvalorização estimada em US$ 1.2 bilhão. O estudo detalha que buscar contratos de patrocínio independentes em relação ao futebol masculino pode ser uma das alternativas. Neste cenário, surgem empresas interessadas em não somente investir na categoria, mas fazer o futebol feminino se fortalecer. Como é o caso da Giuliana Flores.

Em junho, o maior e-commerce de flores da América Latina fechou um contrato de patrocínio com o São Paulo, fortalecendo um projeto criado no início do ano. Em entrevista ao MKTEsportivo, Rodrigo Machado, Gerente de Marketing da Giuliana Flores, afirmou que a ideia surgiu em meio às reuniões em que os executivos da empresa discutiam outras oportunidades de negócio, como produtos personalizados para fãs de futebol. Neste período, a equipe paulista apresentou o projeto do seu time feminino. Seguro em investir no Tricolor, o executivo destaca que tudo foi uma “questão de oportunidade”.

“São poucas as empresas que acreditam e incentivam o futebol feminino. A Giuliana Flores, por exemplo, mergulhou de cabeça nesta oportunidade e espera lançar uma tendência. No São Paulo, as atletas entram em campo carregando a marca em seus uniformes até o final do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino de 2019. A parceria garantiu ao time seu primeiro patrocínio exclusivo”, destacou Rodrigo ao portal.

O plano da empresa é expandir sua presença na modalidade, ainda que não tenha definido os próximos passos neste momento. Por ora, a Giuliana Flores foca em buscar novas oportunidades dentro do São Paulo e estuda outras possibilidades no futebol.

“Pensamos em fazer contato com os principais times do futebol. Iniciamos com o São Paulo e deu muito certo. O primeiro projeto foi o patrocínio exclusivo do time de futebol feminino do clube e estamos conversando sobre novas oportunidades de negócios, ainda dentro do São Paulo, com outros formatos de ações, mas não temos nada formalizado por enquanto”, completou o profissional.