Indústria

Com grade fixa, BandSports detalha cobertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio

Única fora do Grupo Globo a transmitir o evento, Band espera vender todas as cotas de publicidade disponíveis

8 out, 2019

Detentor dos direitos de transmissão dos Jogos Olímpicos de Tóquio para a Tv fechada, o BandSports detalhou na manhã de segunda-feira (8) como fará a sua cobertura do evento.

De acordo com o Observatório da Televisão, as gêmeas Bia e Branca Feres e o ex-jogador de vôlei Marcelo Negrão foram contratados pela emissora e terão destaque na grade. Enquanto as nadadoras apresentarão o Lado B, com “invasões” aos camarins, vestiários e até a casa de atletas para mostrar bastidores, Marcelo Negrão encabeçará o ‘Somos Ouro‘, que trará o ex-jogador praticando diversos esportes com atletas olímpicos

Outros programas também irão completar a cobertura do BandSports dos Jogos que acontecerão em menos de um ano. O ‘Maratona BandSports‘, apresentado por Álvaro José, vai analisar os esportes e as possibilidades de cada modalidade.

“O BandSports, no período das Olimpíadas, será totalmente aberto para todos os assinantes da Sky, Vivo, Net/Claro etc. Ou seja, vamos ter uma cobertura que poderá atender um número muito maior de assinantes”, disse Paulo Saad, vice-presidente da NEWCO, braço de TV paga da Band.

Ainda de acordo com o portal, a Band aposta na venda de cotas de publicidade. Ao todo, serão seis cotas de patrocínio master comercializadas por R$ 11 milhões cada. Duas delas estão quase fechadas, uma delas com uma empresa parceira do Comitê Olímpico Internacional. Se todas forem vendidas, a Band pode faturar R$ 66 milhões com a cobertura.

Além do BandSports, que espera atingir 100% dos assinantes de TV paga aqui no Brasil, o Grupo Globo (Rede Globo e SporTV) também fará a transmissão. Já a ESPN Brasil segue negociando.