Patrocínio

São Paulo anuncia patrocínio com site de apostas esportivas

Mesmo ainda em fase de legalização no Brasil, empresas do setor já fecharam com mais da metade dos clubes do Campeonato Brasileiro da Série A

3 out, 2019

O São Paulo se juntou ao grupo de clubes brasileiros patrocinados por empresas de apostas. O Tricolor anunciou, nesta quinta-feira (3), a Betsul, site de apostas esportivas voltado para o mercado sul-americano, como sua nova patrocinadora. A empresa estampará sua logomarca na barra traseira dos shorts das equipes profissionais de futebol masculino e feminino, bem como da equipe de basquete. O contrato é válido até dezembro de 2020.

“Diversas empresas do segmento nos consultaram nos últimos meses, mas o Betsul foi quem se mostrou realmente disposto a construir uma relação de parceria e ainda tem uma preocupação social muito forte, além de uma mentalidade voltada para a inovação, algo que vai de encontro aos nossos valores. Estamos muito felizes que eles estarão presentes no futebol feminino e no basquete e tenho certeza de que é o início de uma relação duradoura”, comentou o diretor executivo do clube, João Fernando Rossi.

A estreia será já neste sábado (5), quando o São Paulo receberá o Fortaleza no Estádio do Pacaembu, na capital paulista, em jogo válido pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro.

“A parceria com o São Paulo consagra a chegada do Betsul no mercado do brasileiro. Sabemos o tamanho, o respeito e a história do time no país e acreditamos que juntos construiremos uma bela história para inovar o mercado de apostas esportivas.”, avalia Fernando Rivas, CEO do Betsul, que concentra o seu maior potencial de público na América do Sul.

Leia também: Com metade dos clubes da Série A, casas de apostas ‘invadem’ Brasileirão

Lançado em junho com atletas e ex-atletas como embaixadores, e desenvolvido exclusivamente para o mercado da América do Sul, o Betsul terá no São Paulo seu primeiro grande parceiro no Brasil. A empresa aposta na visibilidade e no grande número de torcedores do clube para se firmar no mercado nacional e também continental.

No site, parte do valor investido pelos apostadores é revertido para causas sociais voltadas para a saúde e o esporte em um projeto chamado de Jogo do Bem.

Mesmo ainda em fase de legalização no Brasil, as casas de apostas esportivas já fecharam com mais da metade dos clubes do Campeonato Brasileiro da Série A. Antes do São Paulo, o Flamengo (Sportsbet.io), Fluminense (KB88), Atlético-MG (188bet), Bahia (CasadeApostas), Botafogo (CasadeApostas), Corinthians (MarjoSports), Cruzeiro (CasadeApostas), Santos (CasadeApostas), Fortaleza (NetBet) e Vasco (NetBet) já estão com contratos em andamento. Exceção feita ao Galo e Flamengo, os demais envolvem exposição no uniforme.

Como se vê, a nova lei virou um passo para a legalização de apostas no Brasil e já começa a provocar a entrada de um “novo” dinheiro para o mercado do futebol. No entanto, ao menos por enquanto, elas não podem abrir uma figura jurídica no país.