Redes Sociais

NBA digitaliza transmissões e fecha parceria com Twitch

Serviço de streaming de vídeos ao vivo da Amazon oferecerá uma nova experiência de consumo aos fãs de basquete

14 dez, 2017

Enquanto acerta detalhes para iniciar sua liga de eSports oficial em 2018, a NBA dá os seus primeiros passos para digitalizar cada vez mais suas transmissões. Se já disponibilizou algumas de suas partidas no Facebook direcionando para mercados estratégicos para si, agora a liga norte-americana ampliará sua entrega a partir de uma parceria com Twitch.

O serviço de streaming de vídeos ao vivo da Amazon muito popular entre os games não oferecerá partidas da NBA. Ao menos por enquanto. Neste caso, a aliança servirá para a liga ampliar o alcance da G-League, sua liga de desenvolvimento. Pelo contrato, serão até seis jogos ao vivo por semana. O objetivo é atrair o público mais jovem e que, por ventura, já tenha abandonado o consumo esportivo pela TV.

O Twitch, que disponibilizará seus comentaristas mais conhecidos, conta com 15 milhões de usuários ativos todos os dias. Com a G-League na plataforma, os telespectadores contarão com gráficos interativos com dados do jogador e da equipe, recompensas para os fãs que interagirem com as transmissões dando-lhes “pontos de fidelidade”, compartilhar os conteúdos em diversos canais, entre outras iniciativas.

Após cada transmissão ao vivo, os jogos estarão disponíveis sob demanda.