Indústria

Puma fatura € 176 milhões e traça nova meta para o ano

25 out, 2018

A PUMA divulgou o seu balanço financeiro referente a este ano com um saldo positivo. Entre janeiro e setembro, a marca alemã cresceu 10.5% em vendas, com um volume de negócios de € 3,4 bilhões. Tal cenário garantiu um lucro líquido de € 176 milhões, incremento de 31.7% em relação ao registrado no mesmo período de 2017.

O principal mercado da fabricante alemã continua sendo a região que compreende Europa, Oriente Médio e norte da África. Nesta parte do mundo, as vendas ultrapassaram € 1,4 bilhão, o que representou um aumento de 9,8% em relação aos nove primeiros meses de 2017.

Já a região da Ásia-Pacífico foi a que deu o maior salto quando se comparam os números com os do ano passado. Houve um aumento de 19% na receita, que alcançou € 857,5 milhões. Outro destaque foi o mercado dos Estados Unidos, que elevou o volume de negócios para mais € 1,1 bilhão, um aumento de 5,7%.

Sobre o mix de produtos, os calçados seguem como campeões de vendas, com faturamento de € 1.6 bilhão, crescimento de 9,5% em comparação ao mesmo período do ano passado. O vestuário aparece em seguida, com € 1.2 bilhão e aumento de 13,6%, e os acessórios, com € 576 milhões e aumento de 7,5%, completa o TOP3.

Com os resultados, a Puma traçou uma nova meta para o ano. Agora, ela tem como objetivo que o seu volume de negócios aumente entre 14% e 16%, com o lucro figurando entre € 325 milhões e € 335 milhões até o final de 2018.