Indústria

Rússia quer sediar Recopa Sul-Americana em 2020

Informação foi confirmada pelo Ministério dos Esportes do país europeu

6 mar, 2019

Acredite: a Rússia pode ser a sede da Recopa Sul-Americana do ano que vem. A informação foi confirmada pelo Ministério dos Esportes do país, embora ainda não se saiba se ocorrem negociações entre os russos e a Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol).




Como se sabe, o país conta com diversos novos estádios por ter sido sede da Copa do Mundo de 2018 e disputa com a Alemanha (Munique x São Petersburgo) receber a final da Champions League de 2021.

“Na Rússia todo ano há centenas de eventos esportivos internacionais de diferentes tamanhos. Estamos interessados em fornecer nossas instalações esportivas aos torneios mais interessantes”, disse o ministro dos Esportes, Pavel Kolobkov, em um comunicado enviado por e-mail à Reuters.

A Recopa é disputada entre os vencedores das duas principais competições de clubes da América do Sul, a Copa Libertadores e a Copa Sul-Americana. Procurada, a Conmebol recusou-se a comentar o assunto.