Indústria

Premier League tira da FIFA profissional para liderar venda de direitos globais

Josh Smith, atual diretor de serviços de Tv da entidade suíça, assumirá o cargo na elite inglesa a partir de 2019/2020

7 maio, 2019

Enquanto segue na busca por um novo CEO, a Premier League foi até a FIFA para contratar o seu novo chefe global de vendas de mídia. A partir da próxima temporada, Josh Smith, que passou pela emissora britânica BT Sport e é atual diretor de serviços de Tv da entidade suíça, assumirá o cargo na elite inglesa.

Como primeiro ato, Smith terá a incumbência de liderar o processo de comercialização da liga em vários mercados internacionais. Na FIFA, ele liderou a divisão de serviços de mídia e venceu dois prêmios da indústria pelo trabalho que realizou na Copa do Mundo da Rússia.

“Ele desenvolveu uma excelente reputação em toda a indústria e traz uma riqueza de experiência de seu tempo na Team Marketing, na BT Sport e, mais recentemente, na Fifa”, disse Paul Molnar, diretor de transmissão da Premier League.

“É um privilégio ingressar na Premier League em um papel tão empolgante que ajudará a organização a desenvolver sua posição estabelecida no futebol de clubes”, comemorou Josh Smith.

Entrando em sua última rodada no próximo domingo (11), a Premier League está finalizando a assinatura dos últimos contratos remanescentes a serem cedidos por seus direitos de televisão internacionais, com os quais obterá incremento de 25% em relação ao ciclo atual. Na última temporada, £ 815.4 milhões foram repartidos igualmente entre os clubes (£ 40.7 mi cada).