Patrocínio

Três marcas deixarão o FC Barcelona para a próxima temporada

Por motivos diferentes, Gillette, Audi e Lassa não seguirão no portfólio de marcas do clube

24 jun, 2019

O FC Barcelona pode iniciar a temporada 2019/2020 com três baixas importantes. De acordo com o site espanhol Palco23, Gillette, Audi e a fabricante de pneus Lassa não seguirão com o clube catalão e deixarão o portfólio de parceiros da equipe.

Segundo a publicação, Gillette e Audi não teriam concordado com a exigência do Barcelona de dobrar os atuais investimentos. Na última temporada, as duas empresas pagaram, juntas, aproximadamente € 10 milhões aos culés. Já a empresa turca Lassa teria preferido não renovar a parceria por conta da queda vertiginosa da moeda na Turquia, o que impediria de desembolsar os € 5 milhões anuais que paga atualmente. Já

Apesar de abrir espaços em seu portfólio de maneira inesperada, o Barça conta com dois aliados de peso em seus ganhos: a gigante japonesa do e-commerce Rakuten, e a multinacional turca de produtos eletrônicos Beko. Enquanto a primeira assinou em 2017 por € 220 milhões em quatro anos, a segunda renovou por € 57 milhões pelas próximas três temporadas.

De acordo com a revista norte-americana Forbes, o Barcelona é o melhor time de futebol do mundo com base no valor de seus acordos de patrocínio. Segundo a publicação, o clube embolsou US$ 247 milhões em acordos comerciais na última temporada.