Indústria

Marca de Michael Jordan segue soberana no mercado de calçados da NBA

Jordan Brand figura no topo da liga com uma representatividade de US$ 130 milhões

3 set, 2019

Mesmo 16 anos após sua aposentadoria, Michael Jordan segue no hype quando o assunto é o mercado de calçados de basquete nos Estados Unidos. De acordo com o levantamento anual realizado pela Forbes, a Jordan Brand figura no topo da NBA com uma representatividade de US$ 130 milhões.

Para se ter uma dimensão do valor, ele representa quatro vezes mais que o segundo colocado, o astro LeBron James, com US$ 32 milhões. Kevin Durant, com US$ 26 milhões, Kobe Bryant, com US$ 20 milhões, e Stephen Curry, com US$ 16 milhões, completam o TOP 5.

Mesmo sem ter estreado oficialmente, o novato Zion Williamson, patrocinado pela marca de Michael Jordan, já figura no 7º lugar, com US $ 13 milhões. O jogador do New Orleans Pelicans assinou recentemente um contrato de sete anos por um total de US$ 75 milhões.

John Kernan, analista da Forbes, exaltou a capacidade de Jordan de permanecer relevante mesmo sem pisar na quadra há mais de duas décadas. Para ele, a marca do eterno camisa 23 do Chicago Bulls deve crescer ainda mais nos próximos anos.

Hoje, a Nike e a Jordan Brand dominam a NBA, já que quase 75% dos atletas utilizam calçados de uma das marcas. Além disso, o swoosh é fornecedor de material esportivo exclusivo das 32 franquias da liga.