Streaming

UFC lança plataforma gratuita com mais de 70 horas de MMA

Com streaming, categoria espera mudar sua imagem no Brasil e depender menos dos lutadores

14 nov, 2019

O UFC estreia oficialmente, nesta quarta-feira (13), o UFC Docs, plataforma de streaming gratuita que reunirá mais de 70 horas de conteúdo audiovisual produzido nos últimos anos pelo Canal Combate e produtoras nacionais em parceria com a organização.

Entre os conteúdos já confirmados para a plataforma, estão o documentário inédito “Arte e Luta”, dirigido por Gringo Cardia, que trará a participação especial da coreógrafa Deborah Colker, além das séries “Espírito da Luta” e “Viver para Lutar”, que estreou a terceira temporada no Canal Combate na última segunda-feira (11).

Em 2018, o UFC já havia feito sua primeira investida no streaming ao fechar uma parceria com a ESPN+ para transmitir de forma ao vivo e exclusiva nos meios digitais 15 cards, com 12 lutas cada. Foi o primeiro acordo do tipo envolvendo a categoria e a ESPN, e foi firmado por US$ 150 milhões por ano, com duração de cinco anos.

Neste momento, o Ultimate ativa algumas iniciativas para promover o UFC São Paulo, que será realizado no dia 16 de novembro, no Ginásio do Ibirapuera. Nesta quinta (14), visando expandir a marca aos mais jovens, alguns influenciadores vão treinar com atletas profissionais. Já na sexta (15), a pesagem será aberta ao público. Este será o terceiro e último evento no país em 2019, após as passagens por Fortaleza em fevereiro, e Rio de Janeiro em maio.