Patrocínio

Real Madrid seguirá tendência ao ter Turquia na camisa de treino

Clube se aproxima de acordo com o Conselho de Turismo local para estampar a marca do país na camisa de treino

5 dez, 2019

O Real Madrid pode seguir em breve uma tendência no futebol europeu que é ser a plataforma de promoção do turismo de um país. Se nesta quarta-feira (4) o MKTEsportivo adiantou que o Paris Saint-Germain fechou com Ruanda e dará visibilidade ao país africano na camisa de jogo da equipe feminina e na de treino do time masculino, agora chegou a vez do gigante espanhol se aproximar de um contrato com o Conselho de Turismo da Turquia para estampar a marca do país europeu/asiático na camisa de treino.

Segundo o espanhol Marca, a parceria renderia € 12 milhões anuais ao clube, que tem como objetivo ampliar o leque de receitas com patrocínios em 2020. Antes, o Arsenal também já havia fechado com Ruanda, o Manchester United com Malta e o Celta com as Ilhas Maldivas.

Sem saber a duração do possível acordo, o Marca destaca que isso pode afetar a parceria do Real Madrid com a Emirates. Isso porque, atualmente, a companhia aérea dos Emirados Árabes Unidos detém o patrocínio máster da camisa de jogo e também estampa sua marca no espaço principal da camisa de treino.

Com patrocínio renovado em 2017, o contrato entre Real Madrid e Emirates é válido até o final da temporada 2021/2022 e rende € 70 milhões aos merengues por todas as plataformas citadas. Segundo o Marca, o clube estaria em conversações com a companhia aérea para renegociar o acordo e, com isso, anunciar o acerto com o Conselho de Turismo da Turquia.

Em um curto espaço de tempo o Real Madrid divulgou duas novidades envolvendo acordos de patrocínio. Renovou com a Adidas por € 1.1 bilhão até o final da temporada 2027/2028, e também o seu primeiro aporte regional na Rússia, ao acertar com o site de apostas Marathonbet.