Indústria

Facebook estreia investimento no intervalo do Super Bowl

Rede social levará para a partida um comercial com as participações de Sylvester Stallone e Chris Rock

7 jan, 2020

O Facebook estará pela primeira vez no intervalo do Super Bowl, considerado o espaço publicitário mais valioso da Tv mundial. De acordo com informações do The Wall Street Journal, a rede irá pagar cerca de US$ 5.6 milhões para o seu comercial, que contará com as participações de Sylvester Stallone e do comediante Chris Rock.

O conteúdo mostrará como os grupos do Facebook reúnem pessoas de diferentes origens por meio de interesses e experiências compartilhadas. A iniciativa de investir no Super Bowl é considerada o primeiro grande ato do novo diretor de marketing da rede social, Antonio Lucio, que assumiu o posto no ano passado. A ação faz parte da campanha “More Together” e o trabalho está sendo desenvolvido pela Wieden+Kennedy.

O anúncio foi feito em um momento que o Facebook encontra-se no centro de uma polêmica envolvendo dados. Em dezembro, um júri de Nova York intimou duas grandes fabricantes de smartphones a fornecerem registros de seus negócios com a rede social. A acusação é de que o Facebook forneceu acesso de dados de usuários em acordos comerciais com mais de 150 empresas, incluindo Apple, Amazon, Sony e Microsoft.

Responsável pela transmissão da partida, a Fox pediu US$ 5.5 milhões por 30 segundos de veiculação do anúncio. Com o todos os espaços vendidos, o valor alcançado pela emissora no mercado já é um dos maiores da história. O bom resultado em vendas reforça o projeto da Fox de reduzir o número de intervalos para faturar mais e manter os telespectadores ligados na transmissão. A emissora decidiu cortar um intervalo por quarto de jogo, o que fará com que o número de intervalos caia para quatro por quarto em 2020.

O Super Bowl 2020 será disputado no dia 2 de fevereiro, no Hard Rock Stadium, em Miami Gardens, Flórida.