Tecnologia

Liverpool celebra sucesso de plano de assinaturas no YouTube

Objetivo do clube inglês é começar a gerar renda proveniente da criação de conteúdo audiovisual próprio

15 jan, 2020

No início de dezembro o MKTEsportivo adiantou a iniciativa do Liverpool de criar um pacote de assinaturas para acesso a um conteúdo exclusivo no seu canal do YouTube. O objetivo dos Reds é começar a gerar renda proveniente da criação de conteúdo audiovisual próprio. De acordo com Drew Crisp, vice-presidente sênior de digital, mídia e marketing, a iniciativa tem sido um sucesso de adesão.

Segundo o profissional, a novidade atraiu um “número de quatro dígitos” de assinantes nas duas primeiras semanas de lançamento.

“Na primeira semana após o lançamento, já vimos que temos uma base de fãs substancial nessa área das mídias sociais. Estamos trazendo conteúdo exclusivo para os fãs em uma área que eles querem estar. No passado, os clubes de futebol levavam os fãs aos canais em que estavam. Esse lançamento marca uma mudança de atitude, onde estamos felizes em ir para onde os fãs desejam consumir conteúdo”, declarou o profissional em entrevista ao portal Offthepitch.

O plano mais barato sai por £ 0,99 por mês e dá acesso a conteúdos exclusivos e de maior qualidade gráfica. Há ainda uma categoria de £ 2,99 que, além dos benefícios já citados, inclui acompanhar partidas das categorias sub-18 e sub-23 do clube, bem como melhores momentos e transmissões dos treinamentos do elenco principal.

O executivo ainda revelou que o Liverpool segue firme em seu objetivo de capitalizar sua grande base de fãs fornecendo traduções de conteúdo para torcedores de todo o mundo. Além de seus 3.9 milhões de inscritos no canal do YouTube, os Reds também se tornaram o primeiro clube inglês a passar um milhão de seguidores no TikTok.

“Planejamos lançar traduções para fãs de todo o mundo no devido tempo. Nosso maior desafio é saber a melhor forma de atender ao nosso público tão abrangente. Temos um elevado número de jogos, o que significa que temos conteúdo e atividade o tempo todo. Também não se trata apenas do elenco profissional masculino, existe um material atraente em todas as equipes, na equipe feminina e categorias de base”, finalizou.