Indústria

Centauro assume distribuição exclusiva da Nike no Brasil por dez anos

Empresa desembolsará R$ 900 milhões para assumir o comércio da marca americana por uma década

6 fev, 2020

O Grupo SBF, controlador da marca Centauro, concluiu nesta manhã a operação no valor de R$ 900 milhões para assumir a gestão de toda a rede de lojas da Nike no Brasil (física ou on-line).

Segundo o Valor Econômico, o acordo será válido para todo o território nacional. Pelos próximos dez anos, toda a operação do portal da gigante americana no Brasil passará a ser feita pela Centauro, sendo a mesma responsável por distribuir e operar o canal de vendas.

Já nos próximos cinco anos, a Centauro assumirá as operações das lojas físicas da Nike. A empresa do grupo SBF será responsável por montar toda a gestão, inclusive o plano de expansão da rede, ou seja, poderá abrir e operar lojas do swoosh durante o período.

“A Nike gerencia negócios de distribuição bem-sucedidos ao redor do mundo e a expansão desse modelo no restante da América do Sul ajudará a impulsionar um crescimento sustentável e lucrativo”, disse o presidente da área de consumo e marketplace da Nike, Elliott Hill, em comunicado enviado para a imprensa.

O Estadão destaca que as ações ON da Centauro tiveram alta de 6,11% após o anúncio do negócio com a Nike do Brasil. A expectativa é de que, com o negócio, aumente a capacidade de crescimento das lojas da Nike no país. Atualmente, a Centauro conta com 209 pontos de venda. A Nike tem apenas 24 lojas próprias e outras 15 operadas por parceiros.

A Nike do Brasil fechou o seu execício social em 31 de maio de 2019 com faturamento líquido de R$ 2 bilhões.