Indústria

FIFA foca em inteligência artificial para aumentar precisão do VAR

Entidade já testa a tecnologia para minimizar os erros provenientes de lances de impedimento

12 fev, 2020

A FIFA anunciou que já testa um sistema baseado em inteligência artificial para potencializar a precisão do VAR (Video Assistant Referee) em relação aos impedimentos. A informação é da revista Forbes. O sistema atual do VAR utiliza frames para decidir o momento do passe, algo que seria alterado com a entrada da tecnologia.

Para tal, seriam utilizados rastreamento de jogadores, que colocariam entre 15 e 20 pontos nos mesmos. Com base nestes dados, por meio da utilização de algoritmos, será possível compreender que ponto está mais próximo da linha de gol em qualquer momento, sendo também possível determinar o momento exato em que o contato com a bola é feito.

A final do Mundial de Clubes, entre Liverpool e Flamengo, foi o primeiro de vários testes que a entidade europeia realizou, numa vertente offline, para testar uma possível melhoria no VAR.

O diretor de tecnologia e inovação do futebol da FIFA, Johannes Holzmüller, disse que os testes realizados no Qatar foram “muito promissores” e que a entidade podia ver o potencial da tecnologia para ajudar a reduzir o tempo e aumentar a precisão quando os árbitros fazem chamadas de impedimento usando o árbitro de vídeo.