Indústria

Mercado de eSports deve ultrapassar US$ 1 bilhão de receitas em 2020

Relatório divulgado pela Newzoo mostra que a frente de patrocínios será o carro-chefe da indústria

4 mar, 2020

O mercado global de esports deve gerar US$ 1,1 bilhão em 2020. O valor é apenas uma parte do amplo relatório divulgado recentemente pela Newzoo, empresa de inteligência referência no universo dos games. Trata-se de um crescimento de 15.7% em relação ao ano anterior (US$ 950,6 milhões).

De acordo com a projeção, os patrocínios puxarão a fila com US$ 636.9 milhões de faturamento, com os direitos de mídia (US$ 185.4 milhões) e a comercialização de produtos digitais (US$ 21.5 milhões) completando as três primeiras posições. O streaming, tão badalado quanto o assunto é eSports, figurou em quarto lugar com US$ 18.2 milhões, incremento de 33% em relação a 2019.

Já o consumo dos fãs da modalidade com ingressos e produtos deve totalizar US $ 121,7 milhões, enquanto outros US $ 116,3 milhões serão provenientes de investimentos de editores de jogos no setor, como em torneios e parcerias comerciais.

O relatório ainda destaca que a China seguirá como o maior mercado de esports, gerando US$ 385,1 milhões. América do Norte, com US $ 252,5 milhões, e Europa Ocidental, com US $ 201,2 milhões, fecham o TOP3. A soma dos demais mercados, incluindo a America Latina, representam US $ 261,2 milhões.

Por fim, a Newzoo destaca que, globalmente, o público total de esports crescerá para 495 milhões de pessoas em 2020, um crescimento de 11,7% no espaço de um ano.