Indústria

Com portões fechados, Inglaterra estuda liberar futebol na TV aberta

Seria um movimento inédito dentro dos 20 anos de transmissões fechadas da modalidade no país

24 abr, 2020

Ainda sem uma data definida para o retorno da Premier League, a Inglaterra estuda liberar a transmissão dos jogos para a TV aberta, em um movimento inédito dentro dos 20 anos de transmissões fechadas do futebol no país. A possibilidade está sendo estudada entre o governo e a elite do futebol inglês.

Segundo Oliver Dowden, secretário de cultura do governo britânico, a ideia da liberação é debatida para tão logo a modalidade retornar. O plano seria manter os jogos na TV aberta apenas enquanto os estádios estiverem com portões fechados, cenário mais viável de volta do futebol no país. Atualmente, a Premier League fatura £ 3 bilhões por ano em direitos de transmissão com a TV paga.

“Eu disse à Premier League que não enviaria o melhor sinal se eles fossem um dos primeiros esportes importantes a voltar a portas fechadas e o público em geral não pudesse ter acesso a isso”, declarou Dowden.

Entre os clubes, não há barreira para esta liberação. No início desta semana, Martin Semmens, executivo do Southampton, foi um dos que sugeriu que os jogos pudessem ser transmitidos todos os dias em TV aberta por conta da atual situação vivida pelo mundo. As emissoras Sky, BT e Amazon detêm os direitos de exibição de jogos da Premier League ao vivo, com os melhores momentos disponíveis para a BBC.

Importante destacar que a Premier League tem total consciência da dependência do futebol da receita vinda dos grupos de mídia. Em um comunicado feito para o Comitê do Departamento de Digital, Cultura, Mídia e Esportes britânico, Oliver Dowden afirmou que o país passa por um momento em que é preciso que o esporte tenha “elementos para proteger as receitas de transmissão, mas também procure maneiras de aumentar o acesso”. O futebol está suspenso na Inglaterra pelo menos até 8 de junho.

MKTEsportivoCast · ‘Como combater o racismo no futebol?’, com Marcelo Carvalho (Observatório Racial no Futebol)