Streaming

NFL e Amazon renovam parceria de transmissão no streaming

Plataforma seguirá com exclusividade do ‘Thursday Night Football’ e terá direito a um duelo por sábado

29 abr, 2020

Com o início da temporada 2020/2021 marcada para setembro (caso o atual momento do mundo permita), a NFL aproveitou para anunciar, nesta quarta-feira (29), a renovação do seu acordo de transmissão por streaming com a Amazon.

O novo contrato, válido por três anos, mantém a plataforma como parceira exclusiva para transmissão digital do ‘Thursday Night Football’. Os termos da renovação não foram divulgados, mas especula-se que seja mais elevado que os US$ 65 milhões acordados no primeiro ciclo da parceria.

Leia também: Draft da NFL bate recorde histórico de audiência

Além do jogo de quinta-feira à noite, a Amazon terá direito a uma partida de sábado para levar para o seu perfil no Twitch, além do Prime Video, onde a transmissão já ocorre normalmente. Neste caso, o jogo só será exibido na TV comum nos mercados locais das equipes envolvidas. Esta será a primeira vez que a Amazon será o canal exclusivo de um jogo de TV.

“À medida que nosso relacionamento se expandia, a Amazon se tornou um parceiro confiável e valioso da NFL. Estender esta parceria em torno do Thursday Night Football mantém nossa missão crítica de oferecer jogos da NFL para o maior número de fãs da melhor forma possível, tanto nos Estados Unidos quanto no mundo”, declarou Brian Rolapp, diretor de mídia e negócios da NFL.

“Estamos empolgados em renovar nosso acordo de quinta-feira à noite com a NFL e também por expandir nosso relacionamento para incluir direitos exclusivos de streaming global para um jogo adicional da temporada regular em 2020. Sabemos que os membros Prime e a comunidade do Twitch em todo o mundo amam a NFL, e continuamos comprometidos em oferecer a eles a melhor e mais personalizável experiência de streaming possível, com uma ampla seleção de conteúdo premium disponível na ponta dos dedos”, acrescentou Marie Donoghue, vice-presidente de vídeos esportivos globais da Amazon.

De acordo com o Sports Business Journal, a NFL já iniciou negociações para renovar suas parcerias de transmissão, que devem bater os US$ 5 bilhões por ano que recebe atualmente. A renovação com a Amazon é visto como uma vitória uma vez que o Covid-19 está afetando severamente outras ligas americanas, com a NBA e MLB.

Em 2019, o público médio de streaming digital da NFL nas quintas-feiras à noite subiu 43%, alcançando mais de 1 milhão de espectadores por jogo. Os aparelhos tiveram uma média de 15,4 milhões de espectadores, um aumento de 4% com relação a 2018, quando somadas todas as plataformas.

Nos bastidores, a NFL já iniciou um diálogo com alguns proprietários sobre o planejamento futuro, caso a pandemia de coronavírus continue a interromper a realização de eventos esportivos. A liga, no entanto, ainda não discutiu opções de contingência, já que acredita que até setembro tudo estará melhor do que o atual cenário. Apesar das ameaças iniciais dos governos locais e estaduais, a NFL encontra-se otimista que a próxima temporada não sofrerá adiamento.