Futebol

Sem jogos ao vivo, Globo já perdeu 360 mil assinantes no Premiere

O serviço de pay-per-view esportivo da Globo registrou uma queda em torno de 20% na base de assinantes de 1.8 milhão

22 maio, 2020

Enquanto a suspensão dos campeonatos do futebol devido à pandemia de coronavírus tem prejudicado as finanças dos clubes por impactar frentes de receita como bilheteria, direitos de transmissão e sócio-torcedor, a crise chegou para uma gigante de mídia do país.

De acordo com o jornalista Gabriel Vaquer, do blog De Primeira, do Uol, o Premiere já perdeu mais de 350 mil assinantes por conta da ausência de jogos ao vivo. Segundo a publicação, o serviço de pay per view esportivo da Rede Globo registrou uma queda em torno de 20% na base de assinantes de 1.8 milhão que havia antes da pandemia. Ou seja, cerca de 360 mil cancelamentos.

O número representa uma perda entre R$ 28 milhões a R$ 41 milhões, já que os planos variam de R$ 80 a R$ 114. Por conta da reportagem, a Globo se posicionou e enviou uma nota oficial ao blog. A emissora acredita que os assinantes voltarão tão logo as atividades retornem.

“A Globo está atenta a todos os impactos da pandemia de coronavírus no mundo do futebol. O número de assinantes do Premiere é apenas um deles. Após a volta do futebol, é esperada uma retomada importante do Premiere, considerando que o torcedor já ficou um período sem jogos durante a pandemia”, disse a Globo.