Indústria

Strava lança desafio por doações a idosos em situação de vulnerabilidade

“Em casa por Horas da Vida” visa engajar a comunidade esportiva a se manter ativa e fazer doações para o Instituto Horas da Vida

12 maio, 2020

O Strava assumira sua parte neste delicado momento do mundo e, nos próximos dias, apresentará o desafio “Em casa por Horas da Vida“. A iniciativa visa engajar a comunidade esportiva a se manter ativa e fazer doações para o Instituto Horas da Vida.

A rede social dos atletas propõe que os usuários pratiquem atividades físicas até completarem cinco horas, em um período de um mês, e no final façam sua contribuição para o projeto, que ajuda pessoas em situação de vulnerabilidade e que está com ações voltadas para combate da COVID-19. O desafio será válido entre os dias 15 de maio e 15 de junho, e pode ser acessado clicando aqui.

Todos os tipos de atividades dentro do Strava serão consideradas para esse desafio, priorizando aquelas feitas dentro de casa e sempre respeitando as orientações da Organização Mundial de Saúde. Ao término das 5 horas de atividades físicas praticadas, os atletas serão direcionados a uma página para fazerem sua doação. A meta é arrecadar R$ 100 mil.

Os recursos serão utilizados para a compra de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) para os profissionais de saúde que atuam nesses locais, cuidando diretamente dos idosos, que são o principal grupo de risco de complicações e morte com a contaminação do novo coronavírus. Também serão comprados itens de higiene de primeira necessidade para esses internos.

“Neste contexto tão dramático de COVID-19, a atitude das empresas e das pessoas para atender as demandas daqueles que mais necessitam e nem sempre têm visibilidade – como é o caso dos idosos assistidos por essas instituições – é um movimento muito saudável e com resultados práticos e rápidos na prevenção, o que certamente salvará vidas”, diz Elisangela Tolosa, diretora de Desenvolvimento Institucional do Horas da Vida.

“O Strava é uma comunidade esportiva ativa e engajada. Com esta campanha, temos um propósito ainda mais nobre: ajudar os mais necessitados, neste período de pandemia. Além, claro, de estimular a atividade física em casa”, completou Rosana Fortes, country manager do Strava no Brasil.

Vale destacar que o número de ILPIs e idosos beneficiados será proporcional aos recursos arrecadados, portanto, quanto mais sucesso a campanha fizer, mais idosos serão beneficiados. A cada R$ 5 mil, uma ILPI será beneficiada. Se a meta total for alcançada, pode significar, portanto, uma média de até 600 idosos e 50 profissionais sendo atendidos com algum tipo de insumo necessário neste contexto de pandemia.