Futebol

CEO da Liga Alemã de Futebol exalta presença alemã na semi da Champions League

Dois clubes e três dos quatro técnicos que seguem na competição são da Alemanha

18 ago, 2020

As vitórias do RB Leipzig, 2 a 1 sobre o Atlético de Madrid, e do Bayern de Munique, 8 a 2 no Barcelona, fez com que dois clubes da Bundesliga garantissem vaga nas semifinais da UEFA Champions League. Além disso, três dos quatro técnicos que seguem na competição nasceram na Alemanha: Hansi Flick (Bayern), Julian Nagelsmann (Leipzig) e Thomas Tuchel (PSG).

Este excelente momento do futebol alemão no cenário europeu tem sido motivo de comemoração por parte da DFL, responsável pela gestão das ligas locais.

“Nos próximos dias veremos o final de uma temporada extraordinária, jogando bem em nível internacional. Recomeçamos a jogar e imediatamente foi necessário atuar em alto nível, mesmo após o longo período parado. É uma situação diferente para todos os envolvidos”, disse o CEO e Presidente do Comitê Executivo da DFL, Christian Seifert.

O promissor técnico do RB Leipzig vai ter um duelo particular com quem o ajudou a fazer a transição da carreira em campo para o comando das equipes. Nagelsmann teve uma lesão muito novo e, com poucas perspectivas na carreira, começou a fazer trabalho de olheiro no clube, dirigido pelo adversário desta terça, Tuchel. Julian se destacou e migrou para a comissão técnica. Conhecedor do estilo de Tuchel e com adaptações para desenvolver o seu próprio método de trabalho, ele espera mostrar que está pronto para grandes desafios.

“É muito gratificante para a Bundesliga ter dois semifinalistas, especialmente por terem chegado após vencerem grandes clubes. Pessoalmente espero dois jogos muito emocionantes e, na melhor das hipóteses, uma final entre Bayern e RB Leipzig”, finalizou Seifert.