Indústria

Internacional cria manual para operação do Beira-Rio

A ideia é que o documento seja uma espécie de “guia” para quem trabalhar no estádio, independentemente do executivo que estiver no clube

14 out, 2020

Dando continuidade ao processo de profissionalização da estrutura do Beira-Rio, o Internacional criou o Manual de Operação e Manutenção do estádio, que tem como objetivo apresentar os processos para a realização de uma partida.

A ideia é que o documento fique como uma espécie de guia para quem trabalhar no Beira-Rio, independentemente do executivo que estiver no comando do clube.

Ao longo de suas 140 páginas, os processos e responsabilidades de cada área do Clube, bem como apresenta ferramentas de controle de documentos, recomendações de serviços de manutenção preventiva e corretiva, e reposição de sistemas após o término de sua vida útil.

“Este Manual é a materialização da profissionalização que buscamos para todas as áreas do Clube. Por dois anos, profissionais das vice-presidências de Administração e de Patrimônio trabalharam em conjunto para que a excelência na operação e manutenção do nosso Estádio sigam sempre atualizadas e com o uso das melhores tecnologias disponíveis”, disse Marcelo Medeiros, presidente do Internacional.

“É um orgulho poder fazer parte da profissionalização do Clube. Entendo que meu papel é tornar as operações em processos, de modo que possamos ter cada vez mais um time integrado e comprometido, entregando uma operação coesa, pronto para qualquer desafio também fora das quatro linhas”, completou Marina Tranchitella, gerente executiva de operações do clube.