Patrocínio

Burger King patrocinará time feminino do Stevenage e muda para Burger Queen

Patrocínio da rede de fast food ao modesto clube inglês virou um case de sucesso no mercado esportivo

8 dez, 2020

Em junho de 2019, quando o Burger King decidiu patrocinar o Stevenage, da quarta divisão Stevenage, a estratégia era exibir a marca da rede de fast food no popular FIFA 2020. Para tal, foi criado um desafio nas redes sociais chamado #TheStevenageChallenge, que incentivou os jogadores a escolher o time da quarta divisão ao invés dos gigantes da Europa.

Como consequência, o Stevenage se tornou o mais escolhido do jogo, os gamers começaram a utilizar a camisa do time em jogadores como Neymar, Messi e Cristiano Ronaldo e os resultados foram imediatos fora das quatro linhas. O clube bateu recorde de vendas de camisas, enquanto o Burger King atingiu gerou um buzz sem precedentes.

Agora, as partes deram mais um importante passo na parceria, com o Burger King ampliando o seu patrocínio e investindo também na equipe feminina. Neste caso, com uma mudança do seu nome: de “Burger King” para “Burger Queen”.

“Estamos entusiasmados em continuar nossa parceria com o Burger King e o apoio que a marca está mostrando para o time feminino é incomparável. O patrocínio do Burger King será usado para ajudar a desenvolver o programa feminino e apoiar a equipe”, disse o CEO do Stevenage, Alex Tunbridge.

“Depois de destacar com sucesso o talento da equipe masculina do Stevenage FC no ano passado, queríamos fazer o mesmo pela equipe feminina em 2020. O time enfrenta os mesmos desafios e obstáculos que a equipe masculina e é justo que receba o mesmo apoio de nossa marca com um patrocínio igual”, completou Soco Nunez, Diretor de Marketing do Burger King do Reino Unido.

A empresa fez questão de destacar que os valores praticados serão os mesmos, para o time masculino e feminino, sem distinção alguma.