Patrocínio

Parceiro do rugby brasileiro, Bradesco patrocina Cobras na Superliga Americana

O banco e a CBRu co-criaram conteúdos para o Instagram, Twitter e Facebook da equipe e Brasil Rugby

Parceiro do rugby brasileiro, Bradesco patrocina Cobras na Superliga Americana

19 de março de 2021

2 minutos de Leitura

Parceiro de longa data do rugby brasileiro, o Bradesco será o principal patrocinador da franquia masculina Cobras Brasil XV na disputa da Superliga Americana de Rugby (SLAR), torneio sul-americano de clubes que começou no último dia 16 e irá até 15 de maio, no Chile e Uruguai.

O time brasileiro estreia contra o uruguaio Peñarol neste domingo (21), às 13 horas, no estádio La Pintana, nos arredores de Santiago, com transmissão exclusiva dos canais ESPN e ESPN App. Seis franquias participam da competição, em jogos de turno e returno, a serem realizados também nas cidades de Valparaíso e Montevidéu.

“A franquia Cobras foi idealizada a partir de consultas a fãs, jogadores e profissionais para ser uma marca identificada com a comunidade brasileira do rugby. O objetivo é manter o jogo de alto nível para nossos atletas selecionáveis. A adesão do Bradesco, nosso patrocinador máster, a esse novo projeto é um diferencial para buscarmos grandes resultados e uma maior visibilidade para a modalidade em nosso país”, disse a CEO da Confederação Brasileira de Rugby (CBRu), Mariana Miné.

Pelo acordo, além da marca exposta no espaço máster da camisa dos Cobras, o Bradesco e a CBRu co-criaram conteúdos para o Instagram, Twitter e Facebook do Cobras e Brasil Rugby, apresentando quem são os atletas, adversários, melhor em campo em cada partida e o impacto positivo da cultura do rugby no legado da modalidade.

Com o Bradesco, o rugby brasileiro obteve projeção internacional ao receber dois amistosos da seleção brasileira masculina (Tupis) com times consagrados mundialmente: All Blacks Maori e Barbarians. Os eventos reuniram cerca de 50 mil pessoas no Morumbi, em São Paulo, em 2018 e 2019. Em dezembro de 2020, o banco esteve ao lado dos Tupis em seu primeiro triunfo contra o elenco principal dos Pumas argentinos, na fase classificatória do Sul-Americano de Sevens, no Chile. A seleção brasileira terminou o torneio em segundo lugar.

Além dos desafios adiante com a franquia Cobras Brasil XV, o banco mantém mais um ciclo de incentivo às seleções brasileiras (Tupis e Yaras). O calendário deste ano contempla a participação nos Jogos Olímpicos de Tóquio, o Circuito Mundial Feminino de Sevens e as Eliminatórias da Copa do Mundo de XV Masculino.

Compartilhe