Coluna

Agência de publicidade: um bem necessário!

10 maio, 2021
Fábio Wolff
Sócio-diretor da Wolff Sports e professor no MBA de Gestão e Marketing Esportivo da Trevisan Escola de Negócios
Ver mais artigos deste autor

Em 25 anos de marketing esportivo, realizamos diversos negócios em parceria com agências de publicidade. Mas também deixamos de fechar alguns negócios em função delas.

No início dessa longa jornada, a distância das agências de publicidade e do esporte era significativa.

O modelo que imperava no mercado publicitário era o das contas volumosas, com grandes campanhas e muito dinheiro investido por parte dos clientes, ou seja, era de certa forma cômodo comprar mídia junto a veículos de comunicação, pacotes super bem embalados, entregas profissionais, com pouca dor de cabeça, além, é claro, da bonificação recebida pelas agências.

Enquanto isso, os projetos esportivos estavam justamente na contramão, ou seja, os poucos existentes, em sua maioria, não eram tão profissionais, gerando insegurança ao criar diversos pontos de interrogação nos profissionais do mercado publicitário.

Em suma, o grande questionamento na época era se valia a pena endossar um evento esportivo com a marca do cliente ou era melhor concentrar todo budget em veículos de comunicação.

Os anos se passaram e o mercado publicitário mudou, as agências tiveram de se reinventar para prosperar. Passaram a entender melhor os clientes, seus anseios, objetivos e desenvolver junto a eles diversificadas estratégias para alcançar os resultados esperados e adequados. A era da performance chegou e muitos players ficaram pelo caminho, inclusive grandes e tradicionais agências de publicidade.

Não foi apenas o mercado publicitário que mudou, o de marketing esportivo evoluiu significativamente no país, se profissionalizou, mesmo que ainda possa melhorar em vários aspectos ainda. Temos atualmente um cardápio bem estruturado e recheado de eventos esportivos profissionais e amadores no Brasil. Empresas patrocinadoras encontram no esporte uma plataforma incrível para realizar brand awareness, fazer relacionamento e interagir junto aos seus públicos-alvo.

Atualmente, a relação da Wolff Sports com as agências de publicidade é infinitamente mais intensa, ou seja, realizamos muito mais negócios do que há uma década, por exemplo. Nós as procuramos e algumas vezes elas no procuram.

As agências entenderam que o mercado esportivo exige conhecimento, histórico de trabalhos bem realizados, cases de sucesso e experiência.

Infelizmente, sentimos ainda uma certa resistência por parte de algumas agências em relação ao marketing esportivo, porém, com o avanço da profissionalização da indústria a tendência é de que, cada vez mais, o esporte esteja presente nas prateleiras das agências.

É uma união que já demonstrou trazer benefícios significativos não somente às agências de publicidade e de marketing esportivo, mas, principalmente, às empresas patrocinadoras dos eventos. O trabalho em equipe une diversas formas de pensar com um único objetivo: o encantamento do cliente.