Atletas

COB divulga premiação para medalhistas nas Olimpíadas de Tóquio

Nos esportes individuais, o ouro vai gerar uma premiação de R$ 250 mil

24 jun, 2021

O Comitê Olímpico do Brasil (COB) definiu a premiação que destinará aos medalhistas brasileiros nas Olimpíadas de Tóquio. Nos esportes individuais, o ouro vai gerar uma premiação de R$ 250 mil. A prata fica em R$ 150 mil e o bronze, R$ 100 mil. Para se ter uma ideia do abismo entre as edições, nas Olimpíadas Rio 2016 o valor era de R$ 35 mil.

Já nos esportes coletivos, equipes com até seis atletas levarão R$ 500 mil pelo ouro, R$ 300 mil pela prata e, por fim, o bronze dará R$ 200 mil. Já os atletas das modalidades coletivas receberão R$ 750 mil (ouro), R$ 450 mil (prata) e R$ 300 mil (bronze).

“O COB reconhece o esforço, o comprometimento e a disciplina colocados em prática para a conquista de uma medalha olímpica. Essa premiação é oriunda de recursos privados do COB e é fundamentada em um dos nossos pilares: a meritocracia”, disse Paulo Wanderley Teixeira, presidente do COB.

Atletas com medalhas em mais de uma prova acumulam premiação, recebendo por cada conquista.