Indústria

Japoneses começam a aceitar realização dos Jogos de Tóquio 2020

Anteriormente, a maioria das pesquisas nacionais revelavam oposição à realização do evento na cidade

8 jun, 2021

O público japonês parece ter flexibilizado a postura anterior em relação à realização dos Jogos Olímpicos no próximo mês de julho. De acordo com uma pesquisa feita pelo jornal local Yomiuri Shimbun, 50% dos japoneses desejam que a competição aconteça este ano.

Anteriormente, a maioria das pesquisas nacionais revelavam oposição à realização dos Jogos em Tóquio. No final de maio, o governo japonês prorrogou o estado de emergência na capital e em outras áreas por mais três semanas. O feedback à pesquisa do Yomiuri Shimbun revelou que, agora, cerca de 48% dos entrevistados são a favor de um cancelamento. O adiamento do evento não foi oferecido como uma opção.

No entanto, por lá, as entidades médicas japonesas permanecem com o pedido de que os Jogos não sejam disputados. As preocupações com novas variantes do coronavírus e a lentidão da campanha de vacinação no país vêm provocando pedidos de cancelamento por parte de alguns executivos proeminentes e de centenas de milhares de cidadãos comuns.

John Coates, o responsável do COI por supervisionar os preparativos dos Jogos de Tóquio, disse recentemente que a Olimpíada ocorrerá mesmo que a cidade-sede esteja sob estado de emergência.

Nesta última pesquisa telefônica de Yomiuri Shimbun, realizada de 4 a 6 de junho, constatou que 26% dos 1.070 entrevistados querem que os Jogos prossigam sem espectadores, enquanto 24% aprovam que um número limitado de torcedores possa comparecer. Entretanto, a maioria dos entrevistados disse que as medidas de controle do Covid-19 em torno dos Jogos ainda eram inadequadas.