Streaming

Disney adquire Ligue 1 e deve levar Italiano para plataforma Star+

A inserção das duas ligas no serviço é parte da estratégia que o Grupo decidiu adotar para o seu streaming

2 jul, 2021

O Grupo Disney acertou a aquisição dos direitos de transmissão dos campeonatos Francês e Italiano. O movimento faz parte do plano para lançamento da plataforma de streaming Star+, prevista para o próximo mês.

A informação do acerto com a Ligue 1 foi noticiada pelo site Notícias da TV e o acordo será válido até 2024. A liga francesa terá todas as rodadas transmitidas pelos canais Disney no Brasil, com jogos exclusivos na ESPN, Fox Sports e no streaming. Sobre a Serie A italiana, a reportagem apurou que as negociações estão em fase final.

A inserção das duas ligas no Star+ é parte da estratégia que o Grupo Disney decidiu adotar de olho no streaming. Enquanto o Disney+ estará concentrado em filmes e séries, o Star+ terá conteúdo ao vivo e frentes de jornalismo, esporte e entretenimento. Os canais ESPN estarão na nova plataforma.

Vale lembrar que o Globoplay aposta nos canais Premiere, inclusive com uma parceria com o Prime Video, enquanto a Warner decidiu colocar os jogos da Champions League no recém-lançado serviço HBO Max.

O Star+ desembarca na América Latina no dia 31 de agosto e trará uma ampla gama de conteúdos, entre esportes e entretenimento. O serviço chega com ESPN, e seus eventos ao vivo de ligas e programas esportivos, além de séries, desenhos animados, filmes, documentários e produções originais Star, regionais e internacionais, incluindo conteúdos exclusivos. Trata-se de um serviço separado do Disney+, plataforma de streaming da empresa mais voltada ao público infantil.

Sobre o catálogo esportivo, o serviço trará uma extensa gama de ligas e campeonatos, com eventos ao vivo da Libertadores, Premier League, LaLiga, NHL, MLB, além de jogos de rúgbi, tênis, golfe, ciclismo, boxe e MMA (como, por exemplo, Bellator), entre outros esportes. Ao, mesmo tempo, o Star+ oferecerá programas de sucesso na América Latina, como SportsCenter e ESPN KNOCKOUT, além de séries e documentários da marca ESPN.