Indústria

Com Bahia, Casa de Apostas promoverá campanha em prol do Natal Sem Fome 2021

Empresa fará ação de arrecadação e doará pratos de comida por usuários ativos no site

Com Bahia, Casa de Apostas promoverá campanha em prol do Natal Sem Fome 2021

11 de novembro de 2021

2 minutos de Leitura

O futebol e a solidariedade caminharão lado a lado em mais uma campanha Natal Sem Fome, que terá o apoio da Casa de Apostas. A Ação da Cidadania, Organização não governamental (ONG) que combate a fome em todo o Brasil, está lançando a ação com o objetivo de sensibilizar a população a contribuir com aqueles que se encontram em situação de vulnerabilidade social.

Desta maneira, cada um real doado será equivalente a um prato de comida. Além da campanha de arrecadação, a empresa de apostas incentivará aos trabalhos voluntários e doará pratos de comida por usuários ativos no site.

Como pontapé inicial, a campanha da ONG estará estampada na camisa do Bahia, um dos clubes patrocinados pela Casa de Apostas, a partir quinta-feira (11), contra o Flamengo, no Maracanã. A ativação busca também chamar atenção para o voluntariado, pois uma ação tão grande precisa de corações generosos e mãos trabalhadoras para executar a operação, podendo se tornar um embaixador ou até mesmo um ponto de arrecadação de donativos.

Além disso, a Casa de Apostas realizará doação de três pratos de comida por cada usuário ativo no seu site. A ONG Ação da Cidadania receberá todas as doações. O período de apuração será de 11 de novembro a 10 de dezembro deste ano.

“Acreditamos na força do esporte e do futebol para ser um grande vetor de informação e mudança de comportamento das pessoas. Ao realizamos ações que tratem de temas de grande relevância e alcance social, mostramos que a Casa de Apostas, a primeira e verdadeira ‘Casa de Apostas do Brasileiro’ se importa com a sociedade e busca ajudar o próximo”, disse Hans Schleier, diretor de marketing da Casa de Apostas,

“O Natal Sem Fome simboliza a nossa luta e esperança por dias melhores para a população que vem sofrendo com a falta de comida. A expectativa é que essa seja a maior campanha da história da ONG, esperamos arrecadar pelo menos R$ 30 milhões para conseguir levar alimento para famílias em todo o país”, acrescentou Rodrigo “Kiko” Afonso, diretor-executivo da Ação da Cidadania.

Compartilhe