Streaming

Após DAZN desistir, Discovery se aproxima da BT Sport

As conversas da Discovery, dona do canal Eurosport, com a BT Sport caminharam nas últimas semanas

Após DAZN desistir, Discovery se aproxima da BT Sport

03 de fevereiro de 2022

3 minutos de Leitura

Com a desistência do DAZN por questões comerciais, entre elas um entrave com a Sky, a Discovery está em negociações com a BT Sport para criar uma nova joint venture no Reino Unido e na Irlanda.

As conversas da Discovery, dona do canal Eurosport, com a BT Sport caminharam nas últimas semanas. A Sky detém acordos de sublicenciamento com a BT Sport.

Sobre a desistência do streaming, vale uma contextualização. Em março de 2021, a Sky perdeu a concorrência pelos direitos do Italiano para o DAZN, que ofereceu US$ 2,96 bilhões pelo torneio. Em seguida, o DAZN rejeitou proposta da Sky de compartilhar os direitos por US$ 1,8 bilhão.

O MKTEsportivo acompanha o caso desde início e o BT Sport tinha receio que a plataforma de streaming não tivesse recursos financeiros para concretizar o negócio. O DAZN chegou a fazer uma proposta de US$ 800 milhões, mas não foi adiante.

“No ano passado, nós, do DAZN, conduzimos um excelente impulso nos nossos negócios, incluindo recentes vitórias de direitos de futebol local premium com LaLiga na Espanha, Serie A na Itália e Bundesliga na Alemanha. Continuamos totalmente comprometidos em expandir nossos negócios e investir no Reino Unido, no entanto o acordo com a BT Sport se tornou antieconômico para o DAZN. Respeitamos que a BT escolheu um caminho estratégico diferente e desejamos à BT, BT Sport e Discovery tudo de melhor para o futuro”, comentou Kevin Mayer, presidente do DAZN.

Caso o negócio se concretize, uma fusão da BT Sport com a Eurosport no Reino Unido e na Irlanda envolveria diversos direitos de transmissão, como Jogos Olímpicos, Champions League, Europa League, Premier League, Grand Tours de ciclismo, Grand Slams de tênis e Premiership Rugby.

“Estamos empolgados com esta oportunidade com o BT Group de oferecer aos consumidores uma oferta esportiva combinada mais forte e simplificada no Reino Unido e na Irlanda e, mais amplamente, avançar nossa estratégia de levar esportes e entretenimento a mais consumidores na plataforma de sua escolha”, acrescentou Jean-Briac Perrette, presidente e CEO da Discovery Streaming and International.

“Com uma ambição compartilhada de crescimento, bem como a combinação de nossos ativos esportivos de classe mundial com o conteúdo premium de esportes e entretenimento da Discovery, nossos clientes se beneficiarão com ainda mais conteúdo em mais lugares”, finalizou Marc Allera, executivo-chefe da BT Sport.

Compartilhe