Indústria

Fórmula 1 anuncia faturamento de US$ 2.14 bilhões em 2021

Categoria tem lucro de US$ 40 milhões no ano

Fórmula 1 anuncia faturamento de US$ 2.14 bilhões em 2021

28 de fevereiro de 2022

2 minutos de Leitura

A Fórmula 1 encerrou o ano de 2021 com um total de US$ 2.14 bilhões, cerca de 87% a mais do que a categoria havia obtido em 2020. Segundo a Liberty Media, a receita aumentou 62% na comparação ano a ano, saltando para US$ 787 milhões. No trimestre, o lucro operacional foi de US$ 62 milhões no quarto trimestre. Em 2020, a empresa sofreu um prejuízo de US$ 41 milhões no último trimestre do ano.

A realização de provas com a presença de público nos GPs foi o principal motivo para o aumento dos ganhos. O lucro operacional foi de US$ 40 milhões, comparado a uma perda de US$ 444 milhões em 2020.

“O ano de 2021 foi notável para a Fórmula 1 em todos os aspectos. As corridas foram espetaculares, e o negócio produziu excelentes resultados. Continuamos a construir essa base sólida e esperamos nosso calendário recorde de 23 corridas para 2022 com novos carros, regulamentos, corridas e pilotos”, comentou Stefano Domenicali, presidente e executivo-chefe da Fórmula 1, ao apresentar os números.

No geral, a receita total do grupo Liberty Media em 2021 foi de US$ 11.4 bilhões e o lucro operacional foi de US$ 1.98 bilhão. Desse valor, o Atlanta Braves, da Major League Baseball, arrecadou US$ 568 milhões. Já a empresa de mídia SiriusXM, que a Liberty tem 81.2% de participação, bateu um recorde de ganhos de US$ 8.7 bilhões em 2021.

“Foi um final de ano forte para as empresas Liberty. A reta final do Mundial de Fórmula 1 não poderia ter sido mais cheia de suspense. A ação convincente na pista continua a impulsionar o volante do negócio e recentemente fizemos vários anúncios sobre acordos de criação de valor”, acrescentou Greg Maffei, presidente e executivo-chefe da Liberty Media.

Compartilhe