Atletas

Nike e EA Sports suspendem ações com Greenwood

Jogador é acusado de estupro e violência doméstica contra a modelo Harriet Robson

Nike e EA Sports suspendem ações com Greenwood

01 de fevereiro de 2022

2 minutos de Leitura

Acusado de estupro e violência doméstica contra a modelo Harriet Robson, Mason Greenwood, do Manchester United, teve seu contrato de patrocínio com a Nike suspenso e já está fora do FIFA 22.

Conforme o MKTEsportivo adiantou, a marca americana, patrocinadora do inglês, já havia se posicionado tão logo o caso ganhou repercussão. De imediato, ela afirmou que estava acompanhando os desdobramentos e que repudiava qualquer tipo de agressão.

Suspendemos nosso relacionamento com Greenwood. Estamos profundamente preocupados com as alegações perturbadoras e continuaremos monitorando de perto a situação

Anunciou a Nike em novo comunicado

Pelo lado da EA Sports, o jogador foi retirado das modalidades offline do Fifa 22, mas sua carta segue ativa no modo online ‘Ultimate Team’.

Já no Manchester United, todos os produtos do jogador foram retirados da loja oficial, física e online. Os torcedores exigem reembolso de camisas compradas com o nome do atleta.

A modelo Harriet Robson publicou nas suas redes sociais um vídeo no qual aparece com marcas roxas pelo corpo e com a boca ensanguentada. Além disso, ela ainda divulgou um áudio no qual Greenwood tenta forçá-la a ter relações sexuais com ele.

Compartilhe