Indústria

Barcelona não quer um novo CEO e foca em diretor financeiro

Ferran Reverter deixou o clube em fevereiro e nenhum outro profissional será contratado para o seu lugar

Barcelona não quer um novo CEO e foca em diretor financeiro

28 de março de 2022

1 minutos de Leitura

Em fevereiro, o FC Barcelona anunciou a saída do seu CEO, Ferran Reverter. Alegando motivos particulares, o profissional optou por sua saída, ainda que exista uma forte especulação que o patrocínio máster da Spotify tenha motivado sua decisão.

Agora, sobre a possibilidade de contratar um novo profissional para o cargo, Joan Laporta, presidente do clube, tomou uma decisão. Após diversas entrevistas, ele optou por não ter um CEO até o restante da temporada. O foco estará, principalmente, em nomear um novo diretor financeiro.

Os problemas economicos que o clube atravessa motivam a contratação de um profissional para equilibrar as finanças do Barcelona. Como se sabe o clube tem dívidas que ultrapassam € 1.35 bilhão. Um dos objetivos do Barça é embarcar em tecnologias emergentes para abrir uma nova frente de receitas.

Compartilhe