DIRECTV GO transmite jogo fake para alertar sobre pirataria de sinal

Iniciativa ocorreu durante as oitavas de final da Champions League

março 16, 2022

O Brasil é um dos maiores consumidores de TV por assinatura pirata no mundo. Hoje, cerca de 33 milhões de brasileiros acessam conteúdo fechado de forma irregular, sendo o futebol um dos produtos mais populares nessas plataformas. Diante desta realidade, a DIRECTV GO, com criação da Agência Mirum, apresenta a “Pirate Match”.

“Somos TV ao vivo e streaming num só aplicativo, por um valor realmente atrativo. E o principal: um serviço 100% regularizado. Por isso, desenvolvemos esta ação para mostrar que existem maneiras viáveis de obter acesso a conteúdo de qualidade, sem travar, sem riscos, sem imagem ruim, tudo isso sem infringir direitos de terceiros”, disse Alexander Rocco, diretor de Digital Growth da DIRECTV GO.

Usuários que foram ao Google buscar transmissões nesta terça-feira (durante as oitavas de final da Champions League), de forma inocente ou até mesmo com a perspectiva de que poderiam ver o jogo ao vivo de forma gratuita ou sem qualquer contrapartida aplicável, encontraram uma transmissão ao vivo que poderia se comparar a uma partida pirata, onde todos os elementos presentes eram imitações: jogadores, estádio, narradores, juízes, uniformes. Uma transmissão de péssima qualidade e um jogo repleto de surpresas durante seus 90 minutos.

“Criamos uma ação para alertar sobre a prática irregular de pirataria e para comunicar que, por meio da DIRECTV GO, o usuário terá transmissões de qualidade, lícita e sem percalços. Logo, poderá assistir seu jogo sem esquentar a cabeça, sem ficar caçando link. E pagando muito menos do que se imagina”, acrescentou Filipe Matiazi, diretor de criação da Mirum.