Futebol

Em ação contra pirataria, Paysandu fatura R$ 500 mil com venda de camisa oficial

“Tira pirata, veste Lobo” colocou camisas de jogo da última temporada a R$ 50

Em ação contra pirataria, Paysandu fatura R$ 500 mil com venda de camisa oficial

29 de março de 2022

1 minutos de Leitura

Em um importante esforço contra a pirataria de suas pelas, o Paysandu faturou cerca de R$ 500 mil com a venda de sua camisa oficial.

A iniciativa, batizada de “Tira pirata, veste Lobo”, em referência ao nome da marca própria do clube, o Paysandu promoveu uma liquidação do estoque da coleção Constelação, que utilizou na temporada passada, incluindo as camisas de jogo, que foram vendidas apenas R$ 50. A ação aconteceu nas lojas oficiais do clube e em revendedoras por toda a Grande Belém.

De acordo com o Paysandu, a campanha buscou “garantir a experiência de adquirir o manto bicolor ao torcedor que nunca teve a oportunidade de comprar uma camisa oficial de jogo”. A expectativa era que a ação fosse até 9 de abril, no entanto, com o sucesso, os estoques se esgotaram. A iniciativa também contou com um apelo pela doação de camisas piratas nas nove lojas da Lobo. Tudo será reciclado posteriormente.

Compartilhe